27

fevereiro 2017

Dizem que o ano só começa depois do carnaval, certo? Então que tal começar organizando a vida e estabelecendo rotinas para tornar sua vida cotidiana mais prática e produtiva? A dica do menu semanal é um pouco antiga, mas continua mais válida que nunca. Por isso decidi refazer o post que estava desatualizado com novas dicas e ideias para organizar um cardápio semanal para sua casa.

A primeira coisa que devemos estabelecer é o porque fazer um cardápio semanal. Esse método de planejar previamente o que vamos comer ao longo da semana tem inúmeros benefícios e conhece-los ajuda a entender porque é tão funcional quando incorporamos como um hábito em nossa rotina.

Abaixo comento os dois pontos que acho centrais nesse método:

Cuidado com a alimentação – mais saúde e bem estar

Organizar um cardápio para a semana permite maior cuidado com sua saúde e bem estar. Primeiramente porque ao planeja-lo, você tem a opção de pensar as melhores escolhas, equilibrar melhor a alimentação, incluindo todo tipo de nutrientes que precisa. Isso evita que você coma aquela besteirinha de momento só porque não teve tempo de pensar no que faria para o almoço.

Economia – de tempo, dinheiro e energia

O principio básico de planejamento de um cardápio semanal inclui primeiramente olhar o que você possui na dispensa. Ele é construído a partir do que você já tem em casa, otimizando seus recursos e gerando economia. Ele também ele orienta suas compras semanais e permite que você compre somente o que precisa. Além disso, saber o que você vai fazer, quando e como, gera economia de tempo e energia, porque te direciona nas tarefas cotidianas, evitando que perca tempo pensando no que cozinhar, ou mesmo que desista de faze-lo se rendendo a algum aperitivo rápido.

 

E por todos esses benefícios, estabelecer um cardápio semanal vai te ajudar a otimizar sua vida, fazendo com que você consiga dedicar mais tempo a outras atividades. E para te ajudar a começar, elaborei uma pequena lista de passos básicos para quem deseja incorporar esse método na rotina.

 

  1. Faça um inventário
  2. O primeiro passo para montar o menu semanal é fazer um inventário de tudo que possui na dispensa. Você possui arroz? Uma lata de ervilha esquecida no fundo o armário? Um pacote de gelatina que nem sabe porque comprou? Fazendo essa lista você terá maior dimensão do que possui, evitando que as coisas se estraguem sem que você saiba que elas estão ali.

  3. Defina pratos para a semana baseados no inventário
  4. O segundo passo consiste em definir o menu da semana a partir das coisas que você tem no inventário. Vamos supor que você tenha uma lata de milho, arroz, feijão e meio kg de bacon congelado. Que tal incluir na semana uma torta de arroz com milho e bacon? Assim você otimiza seus recursos e usa o que possui.

  5. Faça uma lista de compras à partir do que falta
  6. O terceiro passo é fazer uma lista de compras, com os ingredientes que faltam para compor os pratos semanais. Essa dica é fantástica e garanto que se você a usar e for ao mercado sem estar com fome, seus gastos vão reduzir consideravelmente, pois a chance de comprar besteiras ou coisas que possa estragar reduzirá drasticamente.

  7. Vá as compras e armazene por agrupamentos

E por fim, não tem mistério… Vá as compras! Logo ao voltar, é interessante que você armazene tudo de acordo com suas necessidades semanais. Eu indico que guarde tudo separado para os pratos de cada dia. Ex: Separar os legumes por ordem do dia e quantidade que serão utilizadas, dividir as carnes em porção por refeição e etc.

E basicamente é isso. Sem mistérios. E para facilitar ainda mais o processo, elaboramos uma planilha para você imprimir e preencher semanalmente com suas escolhas.

CLIQUE AQUI PARA FAZER O DOWNLOAD

Você pode imprimir em uma folha de sulfite simples e preencher semanalmente ou pode fazer como eu fiz: imprimir em um papel mais grosso e preencher as lacunas com posts-its. A vantagem de fazer dessa forma é que você pode ir retirando os posts-its conforme as refeições forem sendo feitas (e ainda economiza tinta, pois a impressão da planilha seria feita apenas uma vez).

Espero que tenham gostado do post. E eu também quero saber a sua opinião! Gostou da ideia? Já faz na sua casa? tem alguma dúvida? Vamos conversar nos comentários. Espero vocês 🙂


Escrito por
Jess

Nosso mini arraial
No último fim de semana, tivemos nosso mini arraial. Com as dicas que demos no último post, organizamos uma pequena celebração no aptox, cheia de delícias, boa música e bons papos. Foi algo extremamente simbólico e intimista, por isso não poderíamos deixar de registrar, como inspiração. Como fizemos em um apê pequeno, não ousamos muito. Montamos 2 mesas, uma de doces e uma de salgados. A de doces foi a principal (...)



Deixe seu comentário! Vamos adorar ler sua opinião :)